sexta-feira, 29 de julho de 2011

:: aula de estilo com Diana

“Without emotion, there is no beauty”.
                             Diana Vreeland.

Bom gosto demais sucks. Em tradução libre, uma das muitas frases pé-na-porta de Diana

Estilo, elegância, savoir-vivre.
O entrevistador pergunta à dama como as mulheres normais (nosotras, né?) podem ter. A aura, o tchans. O que envolve. Beleza? Roupas certas? Juventude? Dinheiro? Personal stylist? No-no-no.

A dama, chiquérrima, e que por sinal era de uma branda feiúra, responde: estilo é algo com que se nasce (ok, frase-comum número 1803471089).
E enumera o que a fashionable woman precisa ter em mente: "skin, posture, walk, interest in things, and education - education has a lot to do with it".

vermelho, vermelho, vermelho: o escri da dama

 Se estivesse viva, Diana Vreeland estaria hoje fazendo aniversário. 105 anos. Que pouqueza para quem viveu com intensidade os twenties e os sixties, lançou Twiggy, Edie Sedgwick e tantas outras, e chegou à velhice nobre, bela e já lendária. :)

O vídeo abaixo é um trecho de entrevista-aula-de-estilo com essa verdadeira diaba-veste-prada - talvez a primeira -, Diana Vreeland.
Avistei hoje num post inspirador do blog da Julia Petit, numa bela homenagem à mulher que foi ícone da moda, revolucionária e editora-diaba da Harper's Bazaar e Vogue.
((o que eu achei mais fino de tudo é a tranquila precisão das respostas dela))

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. oi, edi,
    já está linkada!
    obrigada pela visita!
    :)
    su

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...